terça-feira, 31 de janeiro de 2017

Resenha #52 - Jovens de Elite


Jovens com poderes sobrenaturais e muita adrenalina é a nova promessa da trilogia Jovens de Elite da autora Marie Lu.


Conheça agora uma distopia protagonizada em um tempo medieval, com direito a magia e uma sociedade secreta. 




Adelina Amouteru é uma das sobreviventes da terrível febre de sangue que invadiu a cidade de Kenettra. Considerada por seu pai uma desgraça ao se tornar uma malfetto, decide fugir de casa. Porém naquela noite, quando pensou estar longe o bastante, foi surpreendida por ele. Com um acesso de ódio profundo graças as suas duras palavras, acaba projetando um poder sombrio da terra matando o seu próprio pai.

Os Inquisidores são totalmente contra a existência dos malfettos. Teren Santoro é um deles. Sabendo do ocorrido, Teren decreta a punição de Adelina com a morte. Mas antes que a sentença fosse executada, a sociedade secreta dos Jovens de Elite invade o local e a salvam.

Enzo Valenciano é o líder dos jovens e da Sociedade dos Punhais. Seu objetivo é derrubar o atual regime contra os malfettos e precisará contar com a ajuda de Adelina para colocar seu plano em prática. Diante de todo o treinamento que receberá da sociedade, Adelina decide por fim ajuda-los. 

Ele está tentando me confortar, mesmo com sua honestidade. Mas há algo que não diz. Nos breves silêncios entre suas palavras, escuto tudo o que preciso saber. Eles ficarão de olho em mim.”

Antes de ser aceita de vez, Adelina precisará provar a sua lealdade, cumprindo uma agenda de testes rigorosos e treinamentos intensos ao lado de Enzo e seus liderados. Em um mundo cheio de divisões e com um governo totalmente desumano, Adelina terá uma grande decisão pela frente, já que Teren está disposto a acabar de vez com a sua vida, de sua irmã e de todos os malfettos. Será que Adelina será capaz de trair seus novos amigos para ajudar Violetta ou será que o ódio a levará para o lado oposto de tudo o que os Punhais a fizeram acreditar?

Enquanto isso, a batalha entre Inquisidores e Punhais se aproxima. Teren está mais determinado do que nunca a derrotar Enzo. Nem mesmo o passado será capaz de controlá-lo. Enzo por outro lado só quer o seu lugar de direito. Nessa imensa rede de interesses, Adelina se sente cada vez mais usada. A escuridão a puxa cada vez mais para o lado escuro, mas tudo o que viveu na Corte Fortunata com Enzo e Raffaele não pode ser esquecido. Ela tem uma dívida que precisa ser paga.


Tanto poder. Giro no meio de tudo isso, o queixo contraído, os lábios curvados em um sorriso triunfante, mesmo que outra parte de mim esteja horrorizada com o que acabamos de fazer. Eu me sinto entorpecida no controle, ainda sim, completamente indefesa.


Se você identificou essa resenha com algum outro filme ou história, saiba que a sua percepção está muito certa! No próprio Skook podemos ver a comparação feita com o X-Men e Star Wars. O que diferencia essa trilogia é que tudo acontece na era medieval, dando mais elegância aos novos heróis e vilões. Sabemos que Adelina foi muito solitária em sua vida e que perdeu muitas oportunidades de ser feliz, diferente de sua irmã Violetta que sempre teve toda a atenção da família. E é por causa disso que não sabemos ao certo de que lado ela ficará: do bem ou do mal. Há grandes indícios de que ela se torne uma vilã e essa alternativa é o que faz a trilogia ser bem promissora.

Mesmo não superando minha queridinha Legend, Jovens de Elite não perde em nada a essência da autora. As doses de adrenalinas são aplicadas na medida certa, respeitando a época onde tudo acontece. Além disso veremos um romance rápido, que está muito longe de ser meloso, mas que faz total sentido no decorrer das páginas. O que eu gostei demais nesse primeiro livro foram as descrições das cidades, lugares e castelos. Todos os detalhes me fizeram viajar pela leitura. Adoro eras medievais e todos os seus costumes, principalmente o estilo dos nomes. A escolha dos mesmos foram perfeitas!

E entre as alegrias sombrias de Adelina deixamos aqui a nossa recomendação. Se você gosta de histórias de época, com magia, poderes e intrigas, Jovens de Elite precisa estar na sua lista de leitura.
O segundo livro da série, Sociedade da Rosa, já está disponível. Em breve saberemos o que Adelina decidiu fazer com os seus poderes.


Para saber mais sobre o livro e autora, acesse o Skoob clicando aqui.



Ótima leitura!

8 comentários:

  1. Ainda não conheço a escrita da autora, mas me interessei muito por essa saga. Legal esta história ser parecida com X-men e Star Wars. Muito bom saber que os personagens são bem construídos e que a descrição das cidade é ótima. Adorei sua resenha e dica, se já estava com vontade de conferir antes agora ainda mais.
    Abraço!
    A Arte de Escrever

    ResponderExcluir
  2. Não sei se vai ser melhor que aquela outra trilogia dela, até porque aquelas histórias me ganharam demais e tenho minhas dúvidas quanto a ver algo ainda melhor dessa autora. Mas animei bastante com essa história. E achei bem interessante que se pareça um pouco com essas outras sagas mas tenha um jeito próprio. Parece bem feito e gostoso de ler e não vejo a hora de conhecer essa trama ^^
    Parece ser bem criativa.

    ResponderExcluir
  3. Oi!
    Ainda não li nenhum livro dessa autora e estou vendo muitos comentários sobre essa nova serie dela, gostei muito desse livro que logo me chamou atenção, com certeza a historia acaba nos lembrado outras, mas adorei esse toque medieval que a serie tem, estou muito curiosa para poder ler e conhecer a personagem e essa sociedade, esse livro está na minha lista de leitura !!

    ResponderExcluir
  4. Oi, Ju! Tudo bem?
    Eu simplesmente amei a história de Adelina; uma garota comum que de repente descobre um poder quase impossível de controlar, uma garota que se encontra perdida entre a tênue linha do certo e errado e pode se perder pelo caminho. Quero muito acompanhar a jornada de nossa protagonista e também viver suas aventuras através das páginas. Torço para que seja em breve.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  5. Olá, admiro muito a Marie Lu a autora tem uma criatividade digna de aplausos. Com uma história rica, ousada e de personagens peculiares, Jovens da Elite tem tudo para ser uma trilogia brilhante como Legend. Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Confesso que não gosto muito de ler fantasia, meu caso mesmo são os romances kkkkk Não estou vendo muitas resenhas desse livro, mas acredito que ainda estão por vim ne ?! Ainda não formei uma ideia legal dele, então não seria um livro de minha leitura.

    ResponderExcluir
  7. Ainda não tive o prazer de ler nenhum livro da autora, mas essa trilogia está na minha lista! Gostei muito da sinopse desse livro, pois adoro histórias de fantasia e aventura, e esse livro parece ter tudo isso e muito mais. Espero conferir este livro ainda este ano!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Ju!
    Fantástica a ideia de trazer uma fantasia onde as personagens tem poderes e se passa na era medieval. E gostei mais ainda por saber que o autor respeitou a época para ambientar todo enredo. Deve ser muita aventura e quero muito poder ler esse exemplar, bem como a série.
    Desejo uma ótima semana!
    “Na juventude deve-se acumular o saber. Na velhice fazer uso dele.” (Jean-Jacques Rousseau)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Gostou da postagem selecionada pela Valentina? Aproveite então para deixar o seu comentário com elogios, sugestões, opiniões e outros que desejar! Deixe o seu link também e se o comentário for bacana e sincero, com certeza Valentina e eu retribuiremos a visita! Continue navegando pelo blog e acesse mais conteúdos incríveis!

© Oh Querida Valentina - 2015. Todos os direitos reservados.
Criado por: Juliana Cristina.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo